Pós-parto X Emagrecimento: como é possível voltar a ter o corpo que tinha antes da gravidez?

Entenda como perder peso de forma saudável, sem consequências para a mulher e para o bebê, após o parto.

Não é novidade que os nove meses de gestação geram diversas alterações no corpo feminino. Além das preocupações e cuidados com o novo integrante da família, a recém-mamãe também passa a lidar com as insatisfações do corpo durante esse período.

Voltar ao peso que tinha antes de engravidar, aumentar a autoestima e se reconhecer em frente ao espelho novamente tornam-se um dos principais objetivos pós-parto na vida de muitas mulheres. Por isso, a busca por diferentes alternativas de emagrecimento também é recorrente em suas rotinas.

No entanto, é preciso ficar alerta, pois dietas restritivas e procedimentos sem recomendações médicas podem prejudicar a recuperação da mulher e a produção do leite materno.

 Dicas para emagrecer de forma saudável após o parto

 Devido ao crescimento do bebê, o aumento de peso durante a gestação é algo normal e reverter essa situação também é possível. Segundo um estudo realizado por médicos do Canadá e publicado na revista Diabetes Care, o período entre 3 a 12 meses após o parto é ideal para perder os quilos ganhos durante a gravidez.

Os pesquisadores afirmam também que se as mães não conseguirem perder o excesso de peso ou ganhar mais quilos durante esse período, podem vir a sofrer problemas de saúde como hipertensão e fatores que podem levar a diabetes e doenças cardíacas no futuro.

Veja abaixo as melhores alternativas para perder peso sem consequências para a sua saúde e a do bebê.

 Amamente

O ato de amamentar traz benefícios não só para o bebê, mas auxilia na perda peso. Nesse processo é utilizada a gordura que foi armazenada durante a gravidez e também as calorias que estimulam a produção do leite materno.

 Não faça dietas restritivas

Não fazer as refeições adequadamente ou até mesmo deixar de comer são atitudes que afetam a sua saúde e a do seu bebê. A energia para realizar atividades diárias é decorrente dos alimentos ingeridos, e principalmente, se tiver amamentando a atenção deve ser redobrada para que não interfira na recuperação pós-parto e na produção do leite materno.

 Tenha uma alimentação equilibrada

É muito importante manter uma alimentação saudável e equilibrada após o parto. Alimentos ricos em sais minerais, vitaminas e ferro devem fazer parte do cardápio no dia a dia. Sendo assim, o consumo de sal, gordura e açúcares devem ser evitados, pois esse hábito além de contribuir para o aumento do peso favorece a produção de gases e cólicas do bebê.

Manter a hidratação em dia também é essencial, principalmente nesse período. A água ajuda a combater a retenção de líquidos no corpo, auxilia na produção de leite materno, acelera o metabolismo e, consequentemente, a queima calórica.

 Faça exercícios físicos

Criar o hábito de se exercitar é um grande aliado para a perda de peso. No entanto, é necessária a consulta de um profissional para a liberação e o acompanhamento das atividades físicas. Dessa forma, é possível evitar complicações pós-parto.

 Conclusão: calma e paciência na perda de peso são essenciais

O processo de emagrecimento pós-parto requer muita calma e paciência. Cada organismo tem o seu tempo e é completamente normal que o corpo demore a voltar para seu peso antes da gestação. O importante é aderir hábitos saudáveis para manter a sua saúde e, consequentemente, a da criança. Estou à disposição para te ajudar!